Cuidados com a saúde mental na terceira idade

Cuidar da saúde mental na terceira idade é tão importante quanto cuidar da saúde física. Os problemas mentais podem afetar também o corpo na forma de cansaço, falta de energia, entre outros sintomas, além de provocar transtornos psicológicos como a depressão e a ansiedade. Então, o melhor a se fazer é praticar atividades que promovam a saúde mental do idoso.

Uma das formas de se fazer isso é incentivando a pessoa a ter hobbies. Se ela gosta de tocar algum instrumento, ler, tricotar, dançar, incentive essa prática no dia a dia dela. Por meio dessas atividades é possível ainda criar um laço mais forte entre o idoso e seus familiares.

Ter uma boa noite de sono é fundamental para a saúde da pessoa na terceira idade. É necessária uma quantidade de tempo suficiente para recuperar as forças do organismo e acordar bem disposto no dia seguinte, bem como prevenir algumas doenças. Se for preciso, procure profissionais da área para auxiliar na redução de qualquer mal estar que impeça o repouso noturno do idoso.

A solidão é um dos grandes problemas enfrentados pelos idosos, ainda mais em tempos de pandemia e isolamento social. Por isso, é importante estar presente, conversar e ser um bom ouvinte. Em casos de longas distâncias, aproveite os recursos que a tecnologia oferece para mandar mensagens, ligações e chamadas de vídeo. Caso seja possível, reúna a família para proporcionar momentos de amor e carinho para o idoso.

O acompanhamento psicológico é essencial. Ela traz vários benefícios, desde o estímulo de capacidades cognitivas até a prevenção ou tratamento de doenças como a depressão. Hoje é possível, inclusive, fazer terapia de forma online.

E fique atento aos indícios de que a saúde mental do idoso não está normal, tais como: irritabilidade, afastamento, choros e desânimos frequentes, falta de vontade e energia para fazer as atividades do cotidiano, mau humor, atitudes grosseiras e até agressivas, e recusa de se levantar da cama.